Clipping

26/08/2008 - Telecom Online - Rafael Bitencourt

Embratel antecipará a instalação dos 12 mil pontos do Gesac

Segundo o presidente da Embratel, a conexão será antecipada em até dois meses em relação ao contrato.

Foi assinado, nesta terça-feira, 26, pelo ministro das Comunicações, Hélio Costa, e pelo presidente da Embratel, José Formoso Martínez, o contrato que prevê o fornecimento de 12 mil pontos de conexão via satélite do programa Gesac (Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento do Cidadão). Segundo o presidente da empresa, o prazo para a instalação dos pontos será antecipado à data prevista em contrato. "Vamos tentar fazer em 12 meses os pontos previstos para sair em até 14 meses", disse Formoso.

Segundo o ministro Hélio Costa, os dois lotes licitados proporcionaram ao governo uma economia de 67% frente ao valor de referência. "Nossa proposta de licitação vingou de maneira espetacular. Saímos de 3,5 mil pontos e vamos para 12 mil. Conseguimos uma economia superior 67% em relação à estimativa do ministério. O que significa que vamos economizar R$ 430 milhões em quatro anos", disse Costa. O consórcio vencedor liderado pela Embratel ofereceu R$ 3,39 milhões pelos dois lotes licitados.

O contrato do Ministério das Comunicações com a Embratel surge como parte da estratégia da empresa com o lançamento recente dos satélites Star One C1 e C2. Além ampliar a cobertura do sinal em todo o país, o investimento foi decisivo para viabilizar a vitória da Embratel na licitação. Calcula-se que os dois satélites tenham duplicado a capacidade de telecomunicações via satélite do Brasil.

Voltar